sexta-feira, 20 de março de 2009

Henricão - Recomeço - 1980



Um dos trabalhos mais lindos que ja vi, chorei ouvindo este trabalho, ja tenho este disco ha algum tempo, mas somente agora resolvo postar a voces, achando que é o melhor momento, peço encarecidamente que baixem este trabalho e ouçam com muito carinho, pois se trata de uma obra de um genio que nao podemos esquecer, semeiem esta obra prima, pois serao recompensados, entao, deleitem-se
Saravá!!!
Daniel de Mello e a Música da Minha Gente


LP editado em 1980, pela Rádio e Estúdio Eldorado.
Graças a esta iniciativa, herdamos um documento definitivo da obra de um dos nossos grandes músicos populares. Henricão (Henrique Felipe da Costa) nasceu em Itapira-SP (1908) e faleceu no Rio de Janeiro (1984); além de cantor e compositor foi ator de teatro, cinema e televisão.
Registrado em gravações em 78 rotações de 1937 a 1959, ficou fora dos estúdios até 1980, quando então foi realizado este sublime LP, quatro anos antes de seu falecimento; como tantos outros, pobre e completamente esquecido. O vídeo abaixo mostra um trecho do programa MPB Especial (1973), onde Henricão canta a música "Só vendo que beleza (Marambaia)".



Trecho do texto da contra-capa do LP, escrito por Júlio Moreno em outubro de 1980

"Todas as músicas deste disco foram escolhidas pelo próprio compositor e cantor. Tudo foi feito de maneira natural, que é a própria maneira se ser de Henricão. Um tipo de gente que hoje é rara. Sincero, sensível, simples. Como é também a sua música, pois ela não passa do retrato do seu dia-a-dia. A história dos amores perdidos, dos fatos observados na rua. A crioula que ele esperava debaixo do relógio da praça da Sé deu mancada? Não tem importância, isto lhe inspirou um samba. Aquela outra o abandonou, magoando-o muito? De seu coração surgiu “Sou Eu”, que Paulo Vanzolini considera um dos melhores sambas paulistas. Certa vez, durante uma festa pública em Pernambuco, viu que a platéia gostava muito de cantar “Cielito Lindo”, uma música mexicana. Aproveitou, escreveu nova letra para ela, transformando-a num samba de respeito, a tempo de apresentá-lo durante a festa. Assim nasceu a sempre cantada “Está chegando a hora”. Outra vez, num bar, teve a idéia de compor “Casinha da Marambaia” ao escutar a conversa de dois aspirantes a fuzileiros navais...(...)"

texto estraido do maravilhoso blog - Peneira do Rato


Download: Henricão - Recomeço - 1980

2 comentários:

Arthur disse...

Uau, excelente. Henricão era otimo mesmo, esse é mesmo uma raridade. Adorei teu site cara, ta otimo msm

Elder disse...

parabens pelo blog sensacional!!!!!!