quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Cartola - Cartola - 1974


Ouve um grande Bafafá sobre os cem melhores discos do Brasil, e como nós do musica da minha gente fazendo pesquisas sobre tal assunto resolvi agraciar vocês com estes discos tambem, mas com uma diferença, todos os links estao funcionando, e outra coisa, postarei somente os discos que realmente fizeram diferença pra musica brasileira, entao,
deleitem-se!

52° Lugar -
Cartola - Cartola - 1974


Angenor de Oliveira(1908-1980), o mestre Cartola é considerado por músicos como Nelson Cavaquinho e Paulinho da Viola como maior sambista de todos os tempos. Cartola não só o fundou a escola de samba Estação Primeira de Mangueira, como lhe deu nome e as cores verde e rosa (para quem dizia que as cores não combinavam, ele respondia : "Ora, o verde representa a esperança, o rosa representa o amor, como o amor pode não combinar com a esperança?"). Muito gravado pelos grandes cantores da década de 30, ele desapareceu e somente no final década de 50 foi encontrado pelo cronista Sérgio Porto trabalhando como lavador de carros.
Ele sua esposa Zica fundaram na década de 60 o bar Zicartola no centro do Rio de Janeiro, que foi um pólo irradiador do samba e onde surgiram vários talentos. Somente aos 65 anos conseguiu gravar seu primeiro disco. Seus dois primeiros discos gravados por Marcus Pereira são marcos da música brasileira e obrigatórios na discoteca de qualquer um que goste samba. É autor de sambas imortais como O Mundo é um Moinho, As Rosas não Falam e Autonomia.[fonte]
"Este foi o primeiro disco que Cartola gravou, com 65 anos. É um disco obrigatório, tem repertório irretocável e o time de músicos parece uma seleção brasileira. Lançado em CD pela Discus Marcus Pereira"

Download: Cartola - Cartola - 1974

Um comentário:

Jörkf disse...

E ai grande beleza?
muito bom o seu blog, cheio de reliquias...meus parabens...
Vc tem shows DVD-R ou DVD-Rip em torrent?
Abraços,
Jörkf
http://www.torrent-up.blogspot.com/